Avaliação, prescrição, orientação individualizada de exercícios físicos e estimulação cognitiva para idosos e grupos especiais

(11) 99119.9908

Atendemos em domicílio

Câncer

Segundo o Colégio Americano de Medicina do Esporte que cita as recomendações da American Cancer Society, o tratamento do câncer pode envolver cirurgia, radioterapia, quimioterapia, hormônios e imunoterapia. Vários efeitos colaterais acometem estes indivíduos limitando-os a capacidade de exercitar-se durante o tratamento e nos períodos subsequentes. A capacidade funcional e a aptidão física fica prejudicada em sua resistência aeróbia, força muscular e flexibilidade.

Diversos mecanismos biológicos podem ser otimizados para explicar o efeito protetor do exercício na evolução de tumores malignos. Os mais aceitos consideram que o trabalho muscular reduz os níveis sanguíneos de insulina e de certos fatores de crescimento liberados pelo tecido adiposo, capazes de estimular a multiplicação das células malignas. Os benefícios da atividade física em pacientes com câncer estão relacionados com o aumento da força muscular e da capacidade funcional, controle do peso corporal, redução da fadiga, melhora da autoestima e do humor e, consequentemente, melhora da qualidade de vida.

Manter-se ativo durante a fase de cuidados tem efeitos positivos sobre o humor e o bem-estar. No fim do tratamento, os exercícios podem reduzir o impacto dos efeitos colaterais, como fadiga, depressão e osteoporose.

Através de uma rigorosa avaliação física em conjunto com o médico particular, teremos todo o cuidado na prescrição dos exercícios, observando todos os fatores de segurança afim de promover uma atividade que promova o bem estar.


Voltar